(SP) quadrilha invade empresa e faz reféns

Seis homens armados invadiram uma transportadora na vila Guilherme, na zona norte de São Paulo.

Os criminosos renderam oito funcionários e trancaram as vítimas em uma sala, enquanto retiravam a carga da empresa por volta de meia noite.

A quadrilha fugiu em um caminhão carregado, mas os moradores de um condomínio vizinho estranharam a movimentação e chamaram a polícia.

Dois homens foram presos e uma pistola 357 foi apreendida. O restante do grupo conseguiu fugir.

A polícia não soube informar o valor da carga roubada. O caso foi registrado no 9º DP.

FONTE: BAND

(MT) Ladrões obrigam vítimas a carregar mercadorias durante assalto

Vigilante da empresa foi rendido e amarrado por suspeitos, segundo a PM. Assaltantes fugiram com caminhão cheio de mercadorias roubadas.

Uma empresa de transporte de carga foi assaltada por uma quadrilha na madrugada desta segunda-feira (31) no bairro Distrito Industrial, em Cuiabá. De acordo com a polícia, os funcionários da transportadora que se encontravam no local no momento do roubo disseram que os suspeitos entraram no local com um caminhão e os obrigaram a carregar as mercadorias, entre elas eletroeletrônicos e confecções.

O vigilante do estabelecimento, segundo a Polícia Militar, foi rendido por cinco homens armados e amarrado no chão da guarita com as mãos para trás. Depois do roubo, os ladrões fugiram. Porém, no estacionamento da empresa eles haviam deixado cair um aparelho de celular constando um número de telefone de uma pessoa que foi detida em frente ao local para averiguação.

No veículo em que o outro suspeito estava foram encontradas algumas peças de roupa que, conforme a polícia, possivelmente foram roubadas da transportadora. Diante da suspeita, os policiais o encaminharam à Central de Flagrantes do município. Os outros suspeitos, no entanto, não foram capturados até a manhã desta segunda-feira.

A polícia alegou que não foi possível especificar os produtos roubados, pois os funcionários da transportadora estavam aguardando a chegada do gerente para comparar as notas fiscais com os produtos que não foram levados.

Baterias furtadas
Praticamente no mesmo horário, um outro furto foi registrado em uma auto peças no Jardim Leblon, na capital. A proprietária do comércio disse à polícia que os suspeitos arrombaram a porta da frente e furtaram cinco baterias de veículo automotivo. A PM fez rondas pela região, mas não encontrou nenhum suspeito.

FONTE: G1 MATO GROSSO

>(SC) Terminal de cargas da Gol assaltado em Navegantes

>

O terminal de cargas da Gol no aeroporto local foi invadido por dois homens armados na tarde desta segunda-feira (4). Uma carga de televisores LCD foi levada em um furgão e os funcionários do local foram trancados em uma sala.

Segundo as vítimas, a ação dos bandidos começou por volta de 15h. Todos os seis funcionários do setor foram trancados em uma sala e enquanto um bandido os vigiava, o outro carregava um furgão branco, marca Peugeot. Cerca de 60 televisores foram roubados. O lote está avaliado em torno de R$ 70 mil.

Depois da operação, os marginais mantiveram os funcionários trancados e evadiram-se para local ignorado. Somente por volta de 16h os funcionários conseguiram sair da sala e acionaram a Polícia Militar.

Rondas e barreiras foram feitas em diversos pontos de Navegantes e em toda a região, mas os bandidos não foram localizados.

INFORMAÇÃO PRIVILEGIADA – A polícia iniciou as investigações sobre o caso. Trabalha com a possibilidade de que os bandidos tinham informações sobre a carga. “Eles chegaram e foram direto ao que queriam”, disse um policial.

Não está descartada a hipótese de envolvimento de funcionário do setor.

FONTE: PORTAL MENINAS

>(SP) Ladrões assaltam montadora da LG e levam 1.600 celulares

>

Crime foi em Caçapava, interior de São Paulo. Polícia encontrou parte dos produtos roubados em Taubaté.

Uma montadora de celulares da marca LG, em Caçapava, interior de São Paulo, a 115 quilômetros da capital, foi invadida por seis criminosos na noite desta quinta-feira. O bando roubou uma carga de 1.600 celulares, além de computadores, telas de LCD, duas motos e um caminhão.

A quadrilha rendeu os seguranças e obrigou os funcionários da empresa Blue Tech Eletrônicos a colocarem os produtos em um carro. Um motorista de caminhão foi forçado a dirigi-lo pela Rodovia Presidente Dutra, sentido Rio de Janeiro, atrás de duas motocicletas e à frente do carro em que estavam os celulares. Em Taubaté, ele foi trancado no baú e o veículo foi conduzido por um dos bandidos.

O caminhão foi encontrado por policiais militares perto de um campo de futebol em Taubaté. Dentro do baú, além do motorista, estavam as telas de LCD, dois revólveres e uma das motocicletas usadas na fuga. A segunda moto foi recuperada por volta de 20 horas em outro bairro da cidade. O caso está sendo investigado pelas unidades da Polícia Civil de Taubaté e Caçapava, que já têm pistas dos criminosos. Até o início da tarde desta sexta a carga de celulares e os computadores não tinham sido localizados.

FONTE: VEJA NOTICIAS

>(SP) Quadrilha rouba carga de filtros automotivos em S. Bernardo

>

Bando entrou na Filtros Framm, fugiu com parte da carga; PM prende dois e mata um em tiroteio.

Com uma carga avaliada em cerca de R$ 2 milhões foi roubada na tarde deste domingo (12/06) do interior da fábrica Filtros Framm, no Bairro Planalto, em São Bernardo. Um grupo de aproximadamente dez homens, todos armados, invadiu a empresa e fugiu com uma carreta e um caminhão, carregados com filtros automotivos. Um ladrão foi morto em tiroteio quando a PM chegou ao local e outros dois envolvidos no crime foram presos.

De plantão, estavam apenas dois vigilantes. Um deles chamou a Polícia Militar ainda quando a quadrilha estava na fábrica. Quando os policiais chegaram, o outro vigia demonstrou estranheza pela presença dos PMs. O sargento Roberto Camargo, que comandada a guarnição que atendeu ao chamado, disse que o vigilante titubeou para abrir os portões aos PMs, que tiveram de ser mais enérgicos para a entrada no local.

Camargo contou que na conversa com os policiais, o segurança acabou por confessar que tinha facilitado a entrada da quadrilha no interior da empresa em troca de uma porcentagem do valor da carga roubada. O vigia Paulo César Ferreira, de 34 anos, foi levado então para a delegacia, onde foi autuado em flagrante.

Tiroteio – A dificuldade para os policiais entrarem na fábrica pode estar explicada pela presença de parte da quadrilha no interior da empresa. Quando os PMs entraram, os ladrões pularam o muro dos fundos. Uma viatura cercou o bando e houve troca de tiros. Um dos ladrões, Marcos Rogério da Silva, de 37 anos, foi ferido no tiroteio. Levado ao hospital, morreu em consequência dos ferimentos. Outro bandido, Manoel Cruz da Silva, de 45 anos, foi preso.

A quadrilha conseguiu fugir com uma carreta e um caminhão, mas outra carreta e outro caminhão foram abandonados justamente no momento em que a PM chegou ao local.

FONTE: ABC MAIOR

>(RS) Quadrilha utiliza uniformes de vigias para assaltar depósito de empresa na Capital

>

Antes de roubar cigarros e dinheiro, bando atacou seguranças responsáveis por escolta de carga.

Uma sequência de assaltos planejados em detalhes – baseada, possivelmente, em informações privilegiadas – rendeu dinheiro, armas, coletes à prova de balas e uma carga de cigarros avaliada em R$ 800 mil na madrugada de segunda-feira.

O ataque foi liderado por dois falsos vigilantes, vestidos com uniformes roubados dos seguranças que fariam a escolta da carga que seria levada de Porto Alegre para distribuição na Serra.

A ofensiva dos criminosos começou por volta das 2h, quando o bando invadiu a filial da empresa de segurança Special Service, em Cachoeirinha, na Região Metropolitana. Seis criminosos renderam dois vigilantes que chegavam para o trabalho.

As vítimas foram sequestradas e colocadas no porta-malas de um Polo. Os ladrões pegaram tudo que os interessavam no local: armamento – espingardas e armas curtas, cuja quantidade não foi revelada –, colete à prova de balas, uniformes e um Prisma preto, usado para escolta.

Vestidos com a farda da empresa, dois bandidos foram com o Prisma até o depósito da Souza Cruz, no bairro Navegantes, na Capital, como se fossem os verdadeiros vigilantes escalados para escoltar um caminhão que levaria cigarros para Caxias do Sul.

Chegaram juntos com o caminhoneiro e foram recebidos por um funcionário da Souza Cruz. Os bandidos demonstravam conhecimento da rotina de horários e dos procedimentos na empresa.

FONTE: ZERO HORA

>(SP) PM de Cotia evita grande roubo de carga no KM 21

>

Caminhões e veículos usados no assalto. Peugeot estava com placa clonada

A Polícia Militar de Cotia conseguiu evitar um grande roubo de carga em uma empresa do Km 21, a Metropolitan Logística.

Aproximadamente dez homens fortemente armados invadiram a empresa com dois caminhões e dois carros, anunciando o assalto. A empresa armazena produtos e é um centro de logística. Os funcionários foram rendidos e obrigados a carregar os caminhões com produtos de limpeza.

Um funcionário conseguiu acionar a PM e em alguns minutos, 12 viaturas fizeram um cerco no local. Os ladrões já estavam prontos para sair com a carga quando se depararam com a polícia. Então eles fugiram pelos fundos da empresa e se embrenharam no matagal.

Uma equipe da PM entrou no estabelecimento e outra foi em direção ao matagal, mas os bandidos conseguiram fugir e a suspeita é de que se esconderam na favela da Rua do Cristo.

Por sorte, os bandidos, armados com fuzis, não abriram fogo contra a PM e não feriram ninguém da empresa.

Os caminhões usados no assalto não tinham queixa de roubo e a polícia civil está investigando se houve participação dos donos dos veículos.

Os carros que estavam em poder dos bandidos eram um Peugeot 307, roubado em São Bernardo do Campo na semana passada e uma Palio Weekend roubada em novembro na capital.

Os PMs que atenderam a ocorrência e compareceram na delegacia da Granja Viana foram os soldados Levy e Mathias.

FONTE: COTIA TODO O DIA

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.